Image Map

19/12/2012

Hoje me sinto mais forte

   |   

Hoje, acordei meio atrasada, ainda assim, depois de já ter lavado o rosto, escolhido uma roupa qualquer, parei por dois minutos na frente do espelho. Eu não estava maquiada, nem pronta pra sair pra nenhuma festa,  sem sapatos de salto, não estava com minha melhor roupa, mas ainda assim me senti incrivelmente bonita. Por fora e por dentro. Pela primeira vez ao me sentir assim tão linda, eu não pensei em você.

Depois de tanto tempo tentando te esquecer, isso já tinha virado um habito. Eu já não estava me importando tanto com o fato de você a qualquer custo continuar preso no meu coração. Se não dava pra te esquecer, nem pra ter você aqui, não restavam mais alternativas a não ser essa: Seguir sem você. Não dava pra te evitar quando você chegasse perto, até porque meu coração sempre falou mais forte, mas eu bem que tentava manter a distância, rezava alto para que você não voltasse a me procurar, mas chorava baixinho abraçada numa almofada a cada vez que a saudade apertava. Doía, e de início parecia que nunca ia dar resultado. Por vezes eu pensei em desistir. Mas por fim, quem desistiu foi você. 

Acho que numa hora dessas, você viu que não havia sentido nenhum em continuar atrás de alguém que por mais que tenha feito por merecer, você nunca amou de verdade. Eu fui um passa-tempo, e você não ia perder seu precioso tempo, correndo atrás de mim. Sempre fui a sua diversão e só servia mesmo pra curar sua carência, até mesmo porque, de garotas como aquela que eu já fui um dia, o mundo ta cheio não é? 
  
E então foi assim que num descuido, de tanto você se fazer ausente, acabou por deixar de fazer falta. As lembranças dos bons momentos foram ficando meio embaçadas, as músicas que eu evitava ouvir desistiram de me perseguir, e o meu coração se abriu pra novas possibilidades e agora estou aqui, reparando em mim mesma pela milésima vez no dia, estou sorrindo, orgulhosa de quem eu sou, sem nenhum arrependimento, sem nenhuma mágoa, nem nada parecido. Finalmente, o pior já passou! Estou bem, sem ter que fazer nenhum esforço pra isso, sem fingimento. Estou me sentindo livre, leve, e pronta pra recomeçar em qualquer lugar do mundo, com qualquer pessoa por aí, que mude minhas convicções, que me mostre que nem todos os homens são iguais, que realmente faça a diferença e me faça esquecer tudo o que já aprendi, e que consiga me fazer acreditar que AMAR NÃO É SOFRER.  

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Belas palavras! :D
    Tô te seguindo linda, pode me seguir também, se gostar do blog?
    Te vejo por lá. Boas festas!
    Bjo
    http://laialisafa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Que bom que gostou e obrigada! Feliz Natal e Feliz Ano Novo linda :)

    ResponderExcluir